PLANTIO

PLANTIO
PLANTIO
(Genaura Tormin)

Deus,
Senhor dos mares e montes,
Das flores e fontes.
Senhor da vida!
Senhor dos meus versos,
Do meu canto.

A Ti agradeço
A força para a jornada,
A emoção da semeadura,
A alegria da colheita.

Ao celeiro,
Recolho os frutos.
Renovo a fé no trabalho justo,
Na divisão do pão,
. E do amor fraterno.

segunda-feira, 23 de março de 2009

PERDÃO


PERDÃO
(Genaura Tormin)

Perdoa-me, amor!
Sabia que não eras tu.
Mas um gosto de infinito,
um cheiro de fruta madura,
vendaram-me os olhos,
aprisionaram-me a alma
e eu me dei sem reservas.

Perdoa-me, amor!
Sei que vou te esperar sempre,
na angústia dos dias,
na solidão das madrugadas.
Perdoa-me, amor,
por não te haver
reconhecido a face.

4 comentários:

  1. Genaura querida!!!

    Que felicidade te encontrar!
    Gosto tanto de você Genaura....e este poema veio para mim como lição.
    O perdão cura....
    Genaura querida do coração, obrigada por este momento!!
    PARABÉNS PELO CANTINHO MAIS LINDO!!
    CADA DETALHE É SIMPLESMENTE REPLETO DE ENCANTO!
    BORBOLETAS ENCANTAM O OLHAR E A ALMA!
    Te adoro

    ResponderExcluir
  2. GenaurAmigAmada...

    finalmente encontrei teu blog, que nem sabia que tinhas; a linda Iza que me passou. É Lindo, amiga! Ah, se eu soubesse antes...mas virei muito te ver e te sentir, nas tuas belas poesias.
    Ah, comunicando que teu blog já está linkado no meu, como um dos meus favoritos. Muito obrigada pela visita,comentts e carinho, no dia da "inauguração do meu bebê" e pode voltar sempre, que me farás feliz.
    Beijo de Luz.

    ResponderExcluir
  3. Genaura lindinha!
    Que coisa mais linda esse seu Blog. Deliciei-me ao ver tudo que escreveu. Voce eh muito mais do que uma rocha nua e crua...voce eh fantastica minha amiga, em todos os sentidos: literario e humano!
    Um beijo carinhoso
    MARY

    ResponderExcluir
  4. Oi, Gê!!!
    Uma felicidade estar aqui, Amada...
    E assim poder partilhar desta tua Linda
    Poesia neste teu cantinho tão especial!!!
    Também tenho um bloguinho e já sou tua
    seguidora, viu... Adicionei há pouco, assim
    que te soube aqui, Linda Gê!!!
    Agora sempre virei... Que permanecer em
    tua Grandiosa Poesia e em ti é crescer sempre,
    Porque és Poetisa e Pessoa Magnífica, minha
    Querida Amiga!!!
    Deus te abençõe muito, viu!!!
    Beijo carinhoso nesse teu terno coração, Amada!!!
    Iza

    ResponderExcluir

O seu comentário significa carinho e aprovação. Fico cativada e agradeço. Volte sempre! Genaura Tormin

LEVE, LIVRE & SOLTA!


Sejam bem vindos!
Vocês alegram a minh'alma e meu coração.

Era uma luz no fim do túnel e eu não podia perder.
Era a oportunidade que me batia à porta.
Seria uma Delegada de Polícia, mesmo paraplégica!
Registrei a idéia e parti para o confronto.
Talvez o mais ousado de toda a minha vida.
Era tudo ou NADA!
(Genaura Tormin)


"Sou como a Rocha nua e crua, onde o navio bate e recua na amplidão do espaço a ermo.
Posso cair. Caio!
Mas caio de pé por cima dos meus escombros".
Embora não haja a força motora para manter-me fisicamente ereta, alicerço-me nas asas da CORAGEM, do OTIMISMO e da FÉ.

(Genaura Tormin)